Free Walking Tour – o que é e por que a gente ama esse tipo de passeio?

Um dos passeios que eu mais gosto de fazer em viagens é o Free walking tour. Faço sempre que possível e me programo para que esta seja minha primeira grande aventura do destino. Os passeios são dinâmicos, super agradáveis, dão uma visão bem bacana da cidade, nos ajudam a escapar de “pega-turista”, mostram bastante da cultura local e bem… não são exatamente grátis.

O que é um Free walking tour?

Primeiramente, precisamos frisar que o conceito de Free walking tour existe há um bom tempo, mas é uma maneira relativamente nova de descobrir cidades em comparação com os passeios tradicionais, muito mais populares. O passeio costuma ser bem comum entre o público jovem e está presente nos principais centros turísticos.

Trata-se de um passeio guiado, gratuito*, feito a pé. Normalmente, são oferecidos passeios tradicionais, aqueles que passam pelos principais pontos turísticos da cidade em questão. No entanto, em destinos que costumam receber mais turistas – e que tem muita história – são oferecidos também passeios alternativos, como é o caso de Londres e seus passeios sobre a realeza, ou sobre Jack o estripador.

Uma dúvida comum sobre os Free Walking Tours

Free Walking Tour - o que é e por que a gente ama esse tipo de passeio?
Um dos Free Walking Tour que fizemos em Londres.

A palavra free – grátis em bom português – tem um apelo óbvio para viajantes preocupados com o orçamento. Porém, também pode gerar uma certa desconfiança, afinal onde já se viu algo grátis assim? Será que é bom mesmo? Será que vale a pena? Muito estranho isso ai!

Eu mesma fiquei com o pé atrás quando ouvi falar disso a primeira vez. Mas, com a minha experiência, aprendi que essa palavra tem um peso enorme para os guias. Este conceito de passeios gratuitos, de certa forma, obriga os guias a oferecerem a melhor experiênca possível para os turistas. Afinal, como eu citei no comecinho do post, não é tão grátis assim!

Gorjetas: A alma do Free Walking Tour

Free Walking Tour - o que é e por que a gente ama esse tipo de passeio?

Que história é essa de não ser tão grátis? Bem, a proposta por trás desse tipo de passeio é o sistema de gorjetas. Antes de começar o passeio o seu guia vai deixar bem claro como funciona o Free Walking Tour. Você não é obrigado a pagar nada. Pode ir embora assim que o tour acabar. No entanto, se achar que a experiência foi boa, você concorda em pagar uma gorjeta ao guia.

Por tratar-se de uma gorjeta, os guias não podem estipular um valor para o passeio. O máximo que fazem é dar uma sugestão “entre $20 e $50, por exemplo”. Essa sugestão é muito bem vinda quando a moeda local possui muitos zeros (como o peso Chileno, por exemplo) e você pode sem querer dar R$5 reais achando que deu R$50, rs.

Gostaria de tirar um momento para ter esse importantíssimo diálogo com vocês, amigos brasileiros. Nós não temos o costume de dar gorjeta aqui no Brasil, mas em diversos países, a gorjeta faz parte do salário dos funcionários. E pagar a gorjeta é o mínimo que devemos fazer em alguns casos, como em restaurantes, com carregadores de mala, etc.

Por isso, fique atento quando o guia anunciar que o trabalho dele será baseado em gorjetas. Alerta aqui! Você não está fazendo um favor, está pagando o salário dele. Embora não seja um pagamento obrigatório, avalie honestamente o serviço prestado.

Dica para o pagamento de gorjetas: pesquise o preço de um tour pago no seu destino para calcular sua gorjeta – você pode encontrar essas informações em sites como Get your guide. Desconte um percentual que seria relativo a transfers e/ou alimentação. Este pode ser o seu teto. Se o passeio tiver sido incrível você pode pagar o teto, senão, pague quanto achou que valeu a experiência.

Ah, muito importante: evite pedir troco. Faça o possível para pagar exatamente a quantia que quer doar. Não é certo que o guia vai ter troco, e já vi situações desconfortáveis acontecerem por causa disso. É aquela coisa, constrangimento: se puder, evite.

Por que a gente ama Free Walking Tour?

Eu poderia escrever uma lista imensa aqui, mas vou direto ao ponto: são os melhores passeios guiados que fazemos em qualquer lugar do mundo! Não tem nada igual. Os guias estão sempre motivados, cada um nos mostra o seu cantinho preferido da cidade, sempre descobrimos coisas incríveis, conhecemos novas pessoas, novas culturas e sempre acaba com cerveja!

Tem como não amar?

Free Walking Tour - o que é e por que a gente ama esse tipo de passeio?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *