Jerusalém: o que fazer na cidade antiga em um dia

A Cidade Antiga de Jerusalém é um local sagrado, místico e berço das principais religiões monoteístas do mundo. Um local que respira fé para todos os lados e que merece uma visita guiada para tentar compreender a diversidade entre essas religiões.

Neste artigo, compartilhamos nosso roteiro dentro desse bairro amuralhado de Jerusalém.

Ficamos 4 dias na cidade, sendo que usamos 2 dias para passeios nas redondezas e outros 2 visitamos a própria cidade de Jerusalém.

Durante esse tempo, nos hospedamos em dois lugares diferentes: alugamos esse apartamento no J Tower Suits para 4 pessoas e depois ficamos num quarto privativo para casal no The Post Hostel. Ambos ficam próximos a Jaffa Street que identificamos como um dos melhores lugar para ficar na cidade de Jerusalém.

+ Leia também: Onde se hospedar em Jerusalém

Passeio pela Cidade Antiga de Jerusalém

Andar pelas ruas da cidade velha é certamente uma das coisas mais legais para se fazer em Jerusalém. Se você tiver bastante tempo na cidade, vale a pena pegar o GPS e ir se perdendo e explorando com calma, visitando as igrejas, mesquitas, sinagogas e museus – além de se divertir negociando souvenirs com os árabes.

No entanto, fazer um tour guiado te dará uma perspectiva totalmente diferente daquele lugar! Somente com um guia você conseguirá ter a dimensão do que é aquele lugar, tão sagrado para diferentes povos.

Existem duas formas de fazer o passeio guiado pela Cidade Antiga de Jerusalém: passeio com guia privativo para a sua turma ou entrar num grupo maior. No primeiro caso, você paga um valor fixo para o guia e no segundo você paga por pessoa.

Nós fizemos o passeio privativo, acompanhados do guia israelita Ronen, que fala um excelente português! O Ronen é nascido em Israel, filhos de argentinos, já morou no Brasil e fala 4 idiomas: hebraico, português, espanhol e inglês. Adoramos!

+ Entre em contato com Ronen para fazer uma cotação pelo Whatsapp ou Instagram.

Roteiro de 1 dia pela Cidade Antiga de Jerusalém

No mapa abaixo mostramos o percurso que fizemos dentro da Cidade Antiga:

No dia do nosso passeio, caminhamos a Jaffa Street até a Jaffa Gate (A) e, numa praça antes dos portões, aproveitamos para tirar uma foto nesse letreiro.

O que fazer na cidade antiga de Jerusalém
Letreiro I<3JLM com nosso Guia Ronen

Como é dividida a Cidade Antiga de Jerusalém?

Ali na entrada da Cidade Vilha de Jerusalém, nosso guia Ronen nos explicou sobre as comunidades e quantas pessoas vivem ali dentro do espaço murado de 0,9km2 na Cidade Velha (Old City) de Jerusalém. A cidade velha é dividida entre os Armênios, 5 mil Judeus, 20 mil Muçulmanos e Cristãos.

Bairro Armênio da Cidade Antiga

Nossa jornada dentro da Cidade Velha começou pelo Bairro Armênio onde moram cerca de 300 armênios. Visitamos o convento (B) onde estudam os cristãos ortodoxos. Uma das curiosidades que achamos interessantes é que a crença permite a adoração por imagem mas não aceitam estátuas. Porém, numa área comum do convento existem duas estátuas de santos doados pelos Franciscanos que foram queimados pelos cristãos armenos mais ortodoxos. Sobreviveram ao fogo mas as marcas do fogo se encontram presentes até hoje.

Na Abadia da Dormição/Basílica da Assunção é o local onde acredita-se que esse foi o local onde a virgem Maria morreu. Fica fora da cidade murada, sendo acessada pelo Zion Gate. Fora da cidade murada e próximo ao Túmulo do Rei Davi (C) é o local onde foi realizada a última ceia.

Na parte do túmulo do Rei Davi (C), como a maior parte das sinagogas, é dividido entre uma área para homens e outra para mulheres. Muitos judeus frequentam esse local sagrado para fazer suas orações.

Bairro Judeu da Cidade Antiga

O Bairro Judeu Cardo (D) é um antigo mercado romano que até hoje ainda possuem suas colunas típicas. A área foi encontrada após escavações. Na área interna tem uma belíssima pintura que retrata como era a vida local.

  • bairro judeu na cidade antiga de jerusalém
  • bairro judeu na cidade antiga de jerusalém
  • bairro judeu na cidade antiga de jerusalém

Sinagoga Hurva (E) é uma bonita sinagoga construída no local onde originalmente havia uma outra sinagoga até 1948. A sinagoga que existia até então foi destruída em uma guerra e em seu lugar foi construída uma mesquita.  O espaço foi retomado pelo estado Israelense em 1967, no entanto somente em 2010 a sinagoga foi reconstruída. Até hoje, é mantido o minarete da mesquita, pois segundo nosso guia, os judeus não destróem prédios de outras religiões.

Mesquisa na cidade antiga de jerusalém

Antes de chegar ao Muro das Lamentações (H) (Western Wall), passamos por um view point (G) para o muro das lamentações e depois chegamos a esse local de tanta fé. Escrevemos nossos agradecimentos/pedidos e fomos colocar no muro. Mais uma vez, homens e mulheres são separados para rezar. Antes de entrar nessa área do Muro das Lamentações, é preciso passar por um controle de segurança com raio-x. Essa área é altamente protegida.

  • Mesquisa na cidade antiga de jerusalém
  • Muro das Lamentações durante o Shabbat em Jerusalém

Bairro Muçulmano

Bairro Mulçumano Ao entrar no bairro Mulcumano, notamos que o ambiente muda! O comércio é mais intenso e passamos por um verdadeiro souk (mercado) árabe até chegar à Via Dolorosa. 

Bairro Cristão da Cidade Antiga

No bairro cristão iniciamos a Via Dolorosa (I), que seguimos a partir da “quinta estação”. As estações são pontos marcantes pelos quais Jesus teria passado durante o seu caminho até a cruz.

Bairro Cristão A Via dolorosa termina na Igreja do Santo Sepulcro (J), onde é possível ver e tocar a pedra onde foi levantada a cruz na qual Jesus foi crucificado; a pedra onde ele foi ungido após ser retirado da cruz, onde foi enterrado e de onde teria subido aos céus.

Realidade ou religão?

Confesso que não sou uma pessoa religiosa. Mesmo assim, tive muitos momentos de alegria, admiração e emoção por ter relembrado muitos dos eventos bíblicos que estudei durante a minha infância e adolescência. Aqui nesse publicação do Instagram eu conto como me emocionei ao lembrar da minha avó que um dia sonhou em conhecer os locais por onde Jesus passou e que infelizmente não teve essa oportunidade.

Lembrando ainda que não somos historiadores e que algumas dessas informações listadas acima sobre os acontecimentos e passagens podem (ou não) ter acontecido. Algumas realmente possuem registros escritos e outros apenas registrados na memória e repassado de geração em geração. =)

Diga pra gente: Quais os fatos mais curiosos que você conhece e que deveria estar por aqui? Conta pra gente sua dica de ouro? =)

Valores cotados em 20/09/2019
Valor para Transferir
1000€
Diferença
TransferWise
R$ 4.723,64
R$ 37,48
RemessaOnline
R$ 4.686,16
R$ 0,00
WesterUnion
R$ 4.768,81
R$ 82,65
Banco Tradicional
R$ 5.157,24
R$ 471,08
Comprar Moeda Casa de Câmbio
R$ 4.800,00
R$ 113,84

Agradecemos ao guia Ronen pela cortesia cedida para esse passeio!

José Panda

Engenheiro "elétrico" nascido, criado e estudado em São Luís do Maranhão. Apaixonado por família, viagens, fotografia, esportes e finanças pessoais. Deu a primeira volta ao mundo em 2017 de avião em 365 dias e planeja a próxima volta ao mundo em 2021.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *