Acontece na Paraíba: Festival 3000 boleros

Acontece na Paraíba: Festival 3000 boleros

Como sempre fazemos quando temos visitas em casa, fomos hoje levá-los para tentar ver o pôr-do-sol (com sol desta vez) na praia do jacaré, em Cabedelo/PB. E completamente por acaso, descobri que hoje e amanhã está rolando por lá o Festival 3000 Boleros ao Pôr-do-Sol da Paraíba, em comemoração à marca atingida. Assim, a programação anda diferente.
Hoje durante a abertura do evento, que rolou no anfiteatro da Praia do Jacaré com a presença de algumas autoridades, o Jurandy foi homenageado e recebeu um troféu. E no seu discurso, disse uma frase que ficou gravada na minha cabeça: “Hoje, tocar o bolero de ravel aqui no pôr-do-sol da praia do jacaré é tão essencial pra mim quanto comer”. E de fato, se pararmos para pensar, a vida dele deve girar em torno daquele espetáculo, já que de segunda a segunda, todos os meses, ele está lá, de branco, com seu sax. E não importa se o sol aparece ou não. Ou melhor, ele toca até de baixo d’água, mas pra quem assiste o espetáculo, o sol faz sim uma falta enorme quando não dá o ar de sua graça.

A programação por lá está assim:

Às 16:30 mais ou menos, começa o Bolero de Ravel no Rio Paraíba. Hoje e amanhã, com participação especial de Ivanildo Sax de Ouro e JP Sax.
Após o bolero, uma pequena queima de fogos e no Bombordo Bar e Restaurante, tem Belle Soares, violinista. Quando a noite vai chegando, é a vez de ave-maria: teve primeiro no Bombordo e depois no rio paraíba, com o Jurandy e convidados. Mais uma queima de fogos, dessa vez já com o céu escuro e ótimo pra umas fotos.
Acontece na Paraíba: Festival 3000 boleros
E às 18:30 o encerramento é com a Banda da Polícia Militar, no anfiteatro. Acabei não ficando pra conferir.
Hoje, ainda como parte da comemoração, tem o “3 Sax para Bailar”, que acontecerá no Jangada Clube (Av. Cabo Branco, 2142), a partir das 22h, com Jurandy do sAx, Ivanildo Sax de Ouro, Caio Mesquita e JP Sax.
Minha maior angústia, foi que estava completamente sem pilhas, o que me impediu clicar tudo por lá. Por isso, voltarei amanhã. Isso será bom também pra tentar ver se o som estará melhor. Apesar das alterações recentes, conforme a Silvia andou anunciando, a qualidade ainda está muito aquém e deixou os músicos na mão várias vezes.
Vamos ver o que acontece por lá amanhã!

Acontece na Paraíba: Festival 3000 boleros

Este artigo foi atualizado pela última vez em:

Renata Marques

Nascida em Minas Gerais, filha de mãe mineira e pai paulista, passou parte da infância no Rio de Janeiro, morou em João Pessoa, fez intercâmbio em Londres e atualmente estuda uma possibilidade de se mudar de São Luís, onde já viveu por quase metade da vida. Mãe desde muito nova, filha desnaturada, esposa esforçada. Apaixonada por viagens e paisagens naturais. Servidora pública, fotógrafa e blogueira e em 2017 fez uma volta ao mundo de 1 ano com a família.

Um comentário em “Acontece na Paraíba: Festival 3000 boleros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *