Free Walking Tour – o que é e por que a gente ama esse tipo de passeio?

Share on telegram
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter

Um dos passeios que eu mais gosto de fazer em viagens é o Free walking tour. Faço sempre que possível e me programo para que esta seja minha primeira grande aventura do destino. Os passeios são dinâmicos, super agradáveis, dão uma visão bem bacana da cidade, nos ajudam a escapar de “pega-turista”, mostram bastante da cultura local e bem… não são exatamente grátis.

O que é um Free walking tour?

Primeiramente, precisamos frisar que o conceito de Free walking tour existe há um bom tempo, mas é uma maneira relativamente nova de descobrir cidades em comparação com os passeios tradicionais, muito mais populares. O passeio costuma ser bem comum entre o público jovem e está presente nos principais centros turísticos.

Trata-se de um passeio guiado, gratuito*, feito a pé. Normalmente, são oferecidos passeios tradicionais, aqueles que passam pelos principais pontos turísticos da cidade em questão. No entanto, em destinos que costumam receber mais turistas – e que tem muita história – são oferecidos também passeios alternativos, como é o caso de Londres e seus passeios sobre a realeza, ou sobre Jack o estripador.

Uma dúvida comum sobre os Free Walking Tours

Um dos Free Walking Tour que fizemos em Londres.

A palavra free – grátis em bom português – tem um apelo óbvio para viajantes preocupados com o orçamento. Porém, também pode gerar uma certa desconfiança, afinal onde já se viu algo grátis assim? Será que é bom mesmo? Será que vale a pena? Muito estranho isso ai!

Eu mesma fiquei com o pé atrás quando ouvi falar disso a primeira vez. Mas, com a minha experiência, aprendi que essa palavra tem um peso enorme para os guias. Este conceito de passeios gratuitos, de certa forma, obriga os guias a oferecerem a melhor experiênca possível para os turistas. Afinal, como eu citei no comecinho do post, não é tão grátis assim!

Gorjetas: A alma do Free Walking Tour

Que história é essa de não ser tão grátis? Bem, a proposta por trás desse tipo de passeio é o sistema de gorjetas. Antes de começar o passeio o seu guia vai deixar bem claro como funciona o Free Walking Tour. Você não é obrigado a pagar nada. Pode ir embora assim que o tour acabar. No entanto, se achar que a experiência foi boa, você concorda em pagar uma gorjeta ao guia.

Por tratar-se de uma gorjeta, os guias não podem estipular um valor para o passeio. O máximo que fazem é dar uma sugestão “entre $20 e $50, por exemplo”. Essa sugestão é muito bem vinda quando a moeda local possui muitos zeros (como o peso Chileno, por exemplo) e você pode sem querer dar R$5 reais achando que deu R$50, rs.

Gostaria de tirar um momento para ter esse importantíssimo diálogo com vocês, amigos brasileiros. Nós não temos o costume de dar gorjeta aqui no Brasil, mas em diversos países, a gorjeta faz parte do salário dos funcionários. E pagar a gorjeta é o mínimo que devemos fazer em alguns casos, como em restaurantes, com carregadores de mala, etc.

Por isso, fique atento quando o guia anunciar que o trabalho dele será baseado em gorjetas. Alerta aqui! Você não está fazendo um favor, está pagando o salário dele. Embora não seja um pagamento obrigatório, avalie honestamente o serviço prestado.

Quanto pagar de gorjeta no Free Walking Tour?

Eu costumo fazer assim: pesquiso o preço de um tour pago no destino para calcular a gorjeta. Você pode encontrar essas informações em sites como Get your guide. Desconte um percentual que seria relativo a transfers e/ou alimentação. Este pode ser o seu teto. Se o passeio tiver sido incrível você pode pagar o teto, senão, pague quanto achou que valeu a experiência.

Ah, muito importante: evite pedir troco. Faça o possível para pagar exatamente a quantia que quer doar. Não é certo que o guia vai ter troco, e já vi situações desconfortáveis acontecerem por causa disso. É aquela coisa, constrangimento: se puder, evite.

Por que a gente ama Free Walking Tour?

Eu poderia escrever uma lista imensa aqui, mas vou direto ao ponto: são os melhores passeios guiados que fazemos em qualquer lugar do mundo! Não tem nada igual. Os guias estão sempre motivados, cada um nos mostra o seu cantinho preferido da cidade, sempre descobrimos coisas incríveis, conhecemos novas pessoas, novas culturas e sempre acaba com cerveja!

Tem como não amar?

Como reservar um Free Walking Tour

Existem vários sites e varia de cidade pra cidade. Alguns que já utilizei são Civitatis (que tem tours pagos e gratuitos) e New Europe.

Que tal comprar dólar barato, como um americano?

Descubra agora como abrir sua conta corrente nos EUA, mesmo morando no Brasil. É sem taxa de abertura, sem burocracia e sem comprovante de renda. Descubra como abrir sua conta americana digital e comprar dólar mais barato e ganhar um bônus em dólar na abertura. 

Curtiu nossas dicas?

Dê aquela forcinha ao nosso trabalho!
Ao fazer uma reserva nos sites que indicamos, ganhamos uma pequena comissão que nos incentiva a continuar produzindo tanto conteúdo gratuito e de qualidade. Ah! E você não paga nem um centavinho a mais por isso.

Uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site armazena informações de forma anônima para melhorar sua navegação.
Para saber mais sobre como tratamos seus dados, consulte nossa Política de Privacidade.