Mala de viagem: como escolher e preparar?

Ah, fazer as malas! É muito comum deixarmos esta tarefa para o último minuto, geralmente arrumamos a mala no dia da viagem, algumas horinhas antes do voo, já bastante estressados. Ao deixar a arrumação da mala para este momento, é muito comum que duas coisas ocorram: a gente leva coisa demais e acaba esquecendo do básico. Sim, tudo ao mesmo tempo! Nós do Inda vou lá acreditamos que você deve curtir cada momento da sua viagem, inclusive a preparação da mala. Queremos que nada que faça parte da realização do seu sonho seja chato ou frustrante. Pra te ajudar a manter a calma e manter tudo sobre controle, elaboramos uma série de dicas para você ler antes de mergulhar nesta tarefa.

Leia as regras de bagagem da sua tarifa

É muito importante saber qual a franquia de bagagem você pode levar em uma viagem para garantir que você não a ultrapassará nem vai pagar mais por isso. Você pode encontrar essa informação em sua reserva ou no site da companhia aérea. Caso estas informações não estejam disponíveis, ligue para a companhia aérea e tire todas as suas dúvidas. Lembre-se de perguntar a respeito da bagagem de mão e da bagagem despachada.

A bagagem despachada é a que vai no porão do avião, aquela que deixamos na esteira da companhia aérea antes de entrar na sala de embarque. Atualmente, o despacho de bagagem não é mais gratuito. O passageiro que desejar, deverá pagar por esse serviço.

No entanto, o passageiro tem o direito  de levar uma bagagem de mão, que vai com você dentro da cabine da aeronave.  Lembre-se que esta mala passará pelo raio-x e itens considerados perigosos como tesoura de unha, lixa de metal, alicates, vasilhames com volume maior que 100ml podem ser descartados sem dó. Evite passar por isso. Na hora do check-in esta bagagem poderá ser pesada e medida pela companhia e, de acordo com os limites estabelecidos pela lei poderá ou não ser aceita no voo.

Escolha o tipo de mala ideal para você

escolher-mala

A nossa primeira dica nesse tópico é: escolha a mala mais leve possível. Lembre-se que você tem direito a levar consigo um peso máximo de bagagem, que inclui o próprio peso da mala. Além disso, pense sobre o seu destino e em como você fará os trajetos em que estará com a sua mala. Se você vai a algum lugar cheio de ruas de barro, areia ou paralelepípedo, pode ser mais adequado levar um mochilão a uma mala de rodinhas. Se você for fazer o trajeto aeroporto – acomodação utilizando o transporte público, é bom garantir que sua mala seja fácil de transportar por escadas e catracas de ônibus, por exemplo.

O tamanho ideal para a mala vai depender principalmente de quanto tempo você vai passar fora e, em alguns casos, do tamanho da família. Se você está viajando com filhos pequenos, vai precisar de uma mala um pouco maior para acomodar itens de necessidade básica deles. O ideal é que cada um tenha a sua própria mala, mas em alguns casos a bagagem dos filhos pode ser divida entre as dos pais para diminuir o volume de itens, por exemplo.

Eu consigo fazer viagens de até dois meses levando apenas uma bagagem de mão e, desde que aprendi a fazer isso, as minhas viagens tem sido muito mais tranquilas e fáceis. Lembre-se que você vai perder algum tempo esperando a sua mala aparecer na esteira antes de sair do aeroporto, e isso em muitos casos é extremamente cansativo. Além disso, para despachar malas, você também precisa chegar mais cedo no aeroporto.

Leve apenas o que você vai usar

Why check a bag, ever, when I can fit what I need for up to a month in a single rollaboard and second small bag?

Photo credit: lyzadanger via Visual Hunt / CC BY-NC-SA

Parece bobo dizer isso, mas é uma regra essencial. É muito comum levarmos itens em nossa bagagem pensando “vai que eu preciso…” e este objeto voltar sem ter sido utilizado, ou até mesmo acabar sendo descartado porque você não tem mais espaço na mala para trazer suas coisas de volta. Acredite, eu já passei por isso.

A menos que esteja viajando para o exterior, só leve remédios que você tome regularmente. Você provavelmente está viajando para uma cidade com farmácia. Não faz o menor sentido viajar com analgésico, antitérmico, remédio para dor no ouvido, queimadura (e muitos outros que você pode pensar em incluir) se você não costuma tomá-los. Se precisar, compre um analgésico por lá. Mala não é coração de mãe. Lembre-se que a sua mala passa por raio-x e scanners e que se você estiver fazendo uma viagem internacional todos os itens lá dentro podem ser questionados. Não queremos passar por contrabandistas.

Os remédios são só a ponta do iceberg. O que mais você costuma levar “por precaução”? Roupas, sapatos, bijouterias, eletrônicos? Antes de colocar os itens na sua mala, disponha-os sobre uma mesa ou cama. Reflita se precisa mesmo de cada um daqueles objetos. Dê preferência a frascos de viagem de shampoo, condicionador e sabonete, assim você leva somente a quantidade que vai realmente utilizar e poupa peso e espaço na mala.

Monte opções de looks

Fonte: Travel Fashion Girl
Fonte: Travel Fashion Girl

Todas as etapas de planejamento de viagens que você executou anteriormente serão importantes na hora de preparar a sua mala. Você já sabe como estará o clima na cidade que vai visitar e vai conseguir escolher roupas que não te deixem passar frio nem calor demais.

Você organizou o seu roteiro e sabe muito bem quais tipos de atividades vai realizar e onde irá realizá-las. Então responda a si mesmo as perguntas: Qual o tipo de roupa mais adequado para visitar determinado local? Em quais peças me sinto mais confortável? Em quais me sinto mais atraente pra sair bem nas fotos? 😀 Analise o seu roteiro, se você não vai pra um casamento, pra um jantar de negócios ou para uma ópera, por exemplo, vai mesmo precisar de uma roupa tão formal? Esta primeira etapa vai evitar que você coloque na sua mala roupas demais.

Dê preferência a peças que podem ser usadas mais de uma vez, como por exemplo calças jeans, bermudas e saias. Desta forma você varia apenas a peça de cima e pode montar vários looks diferentes e confortáveis. Também ajuda muito escolher cores neutras e variar os acessórios (que pesam bem menos e ocupam menos espaço na mala).

Se você vai a praia, provavelmente vai passar o dia inteiro em trajes de banho. Então não precisa encher a mala de calças, shorts, vestidos e sapatos de salto. Se você vai para um local muito frio escolha um casaco pesado e varie as peças de baixo. Você pode escolher um casaco preto, ou em tons neutros que facilitam muito na hora de combinar peças. Para mais dicas de como montar looks para viagens, acesse o Travel Fashion Girl (em inglês).

Eu acho essencial ter um par de havaianas, ou qualquer sandália de dedo na mala. Costumo ficar em hostels quando viajo e não ando descalça por lá de jeito nenhum. Também acho bacana ter as sandálias quando preciso fazer algo muito próximo ao meu quarto ou até mesmo da minha acomodação e não quero perder tempo calçando um tênis ou bota.

Mantenha a organização

roupa-viagem

Ao chegar na sua acomodação, se possível retire suas peças da mala e guarde no armário. Aproveite as facilidade que a sua acomodação oferece. Dessa forma, você evita que as suas roupas fiquem amassadas e que o quarto vire uma zona.

Guarde as roupas sujas que não serão lavadas durante a viagem, dobradas em sacos plásticos e coloque novamente na mala. Lembre-se que o que faz a gente precisar sentar na mala para conseguir fechar o zíper é sair jogando tudo aleatoriamente dentro dela. Ao manter a organização conseguimos poupar um espacinho  (que pode ser utilizado para levar souvenirs :D) e fechar a mala sem estressse ou desespero.

Tenha um checklist

Um checklist é importante para você lembrar de tudo que precisa. Vamos supor que ao ler esse post você gostou da minha dica das havaianas e resolveu que quer levar um par na sua próxima viagem? Coloca no seu checklist! O ideal é que você tenha um checklist personalizado. Vai viajar para um local frio? Coloca o casaco na lista. Vai pra praia? Acrescenta o filtro solar, e por ai vai.

Você pode até baixar algum checklist pronto disponível na internet, mas não se atenha a ele. Lembre-se que cada um tem a sua própria maneira de viajar. Portanto, alguns itens presentes nestas listas podem ser completamente desnecessários para você, ou talvez você precise de algo que não está lá. O grande papel do checklist é ajudar você a lembrar dos itens que precisa, não tenha pena de usar. Além disso, pode ser útil na hora da volta, pra você conferir se não está esquecendo de colocar nada de volta na mala.

Vá com calma

Eu costumo abrir a mala que vou levar comigo alguns dias antes da viagem e a cada dia vou colocando alguma coisinha lá. Gasto de 10 a 15 minutos com cada etapa que descrevi acima por dia e, na hora da viagem consigo ir tranquila com a certeza de que não estou esquecendo nada.

Mala pronta? Hora de conferir se você não deixou passar algum detalhe do nosso Guia do Planejamento de Viagem.

E você, como costuma arrumar a sua mala? Conta pra gente!

Carmina Nascimento

Engenheira eletricista e apaixonada por livros. Nascida e criada em Manaus, morei um ano em Londres participando do programa de intercâmbio Ciência sem Fronteiras. Em 2016 realizei um dos meus maiores objetivos relacionados a viagem, o destination wedding.

5 comentários em “Mala de viagem: como escolher e preparar?

  • agosto 8, 2016 em 10:22 pm
    Permalink

    Tô encantada com o blog.Muito interessante!!

    Resposta
  • agosto 12, 2016 em 1:02 pm
    Permalink

    eu também! Parabéns pelo blog! Ótimas dicas e ótimos textos 🙂

    Resposta
    • agosto 12, 2016 em 3:14 pm
      Permalink

      Muito obrigada gente!

      Ficamos muito felizes e gratas pelo apoio de vocês.

      Resposta
  • novembro 22, 2017 em 12:19 am
    Permalink

    Olá,
    Por favor, atualize com as novas regras de pagamento de bagagem: limites e dimensões para bagagem de mão. Elas entraram em vigor neste semestre de 2017 !!!!!

    Resposta
    • dezembro 14, 2017 em 6:34 pm
      Permalink

      Obrigada pelo toque, Andrea. O post já foi atualizado!

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *