Os 24 lugares mais bonitos que eu já visitei

Share on telegram
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter

Eu tenho certeza que não sou a única, mas é fato: estou com uma saudade imensa de poder cair na estrada e descobrir novos lugares pelo mundo. Enquanto muitas portas seguem fechadas para nós, brasileiros, tenho aproveitado para rever fotos de lugares que fui. Hoje, quero compartilhar neste artigo alguns dos lugares mais bonitos que eu visitei. 

A maior parte, como você irá perceber, são cenários naturais, pois a natureza sempre me surpreende. Mas você também vai encontrar nessa lista algumas preciosidades construídas pelas mãos humanas.

A minha lista não segue necessariamente uma ordem, como os lugares mais bonitos primeiros. Mantive a ordem em que os destinos foram vindo na minha cabeça.

Confira a lista!

+ Leia também: Como ganhar uma passagem aérea por ano

Lugares mais bonitos que eu já visitei

Lençóis Maranhenses, Brasil 

Ano de visita: Várias vezes, a primeira vez foi em 2008.

O que me impressionou: A imensidão do lugar. Só na área do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses são mais de 1.500 quilômetros de dunas e lagoas predominantemente azuis, formadas por água da chuva. Imagina um “deserto”(não tão deserto assim) do tamanho da cidade de São Paulo? É inacreditável.

Fernando de Noronha, Brasil

Ano da visita: 2020

O que me impressionou: Fernando de Noronha foi um sonho por anos e eu tinha muito medo de me decepcionar, por causa da expectativa. E mesmo tendo ido em uma semana que o mar estava bem agitado (consequentemente a água não estava tão translúcida), a ilha me surpreendeu: a vida marinha riquíssima, as praias com os tons mais variados e a vibe da ilha.

fernando de noronha é um dos lugares mais lindos que já fui

Glaciar Perito Moreno, Argentina

Ano da visita: 2016

O que mais me impressionou: Caminhar sobre o gelo milenar e ver a grandiosidade daquele campo azul. O som do movimento do glaciar também não passa despercebido.

glaciar perito moreno, um paredão de gelo

Torres del Paine, Chile

Ano da visita: 2016

O que mais me impressionou: Um cenário espetacular, com montanhas, lagos e o rajadas de vento que pareciam que iam levar o carro. rs 

San Blás, Panamá

Ano da visita: 2018

O que mais me impressionou: Um arquipélago no Caribe panamenho, aquele o mar calmo e azul clarinho. Tem uma ilha para cada dia do ano, já que são 365. As ilhas fazem parte do território dos índios Kuna, sendo por eles administradas. Por isso, não há luxo. 

Similan Islands, Tailândia

Ano da visita: 2017

O que mais me impressionou: Depois de ter chegado nas praias da Tailândia e ficado alguns dias em Patong, eu tava meio frustrada com a cor do mar (sou uma pessoa muito visual!) E quando fiz o passeio para Similan Islands eu encontrei o mar que eu tanto sonhava. As vistas são realmente de impressionar.

similan islands thailand tailandia

Chapada das Mesas, Brasil

Ano da visita: 2014 e 2016

O que mais me impressionou: As trilhas para as cachoeiras dentro do complexo Pedra Caída, sendo que Santuário + Capelão foram as minhas favoritas. Agora preciso voltar numa época em que Encanto Azul e Poço Azul não estejam reviradas pelas chuvas.

destinos e pontos turísticos do maranhao - chapada das mesas - turismo no Maranhão

Ilha Contoy, México

Ano da visita: 2021

O que mais me impressionou: Uma ilha muito preservada, com grande quantidade de pássaros, peixes e simpáticos caranguejos eremitas. A água clarinha, os coqueiros ao redor e a areia branquinha. Escrevi um relato contando toda a minha experiência no passeio para a Isla Contoy.

ilha contoy, um dos lugares mais lindos que já visitei

Grand Canyon, Estados Unidos

Ano da visita: 2014

O que mais me impressionou: As formações rochosas de cor vermelha, que vai mudando de tom à medida que a luz solar incide. Ao pôr do sol, as rochas ficam alaranjadas, é belíssimo.

Yosemite National Park, Estados Unidos

Ano da visita: 2014

O que mais me impressionou: Uma grande floresta de pinheiros com mirantes, rios e cachoeiras. À medida que fomos subindo pela estrada, a neve começou a cair (em pleno outono). Ao chegar no “Glaciar Point”, descobrimos o motivo do nome, ao ver neve por todos os lados.

Cataratas do Iguaçu, Brasil

Ano da visita: 2011

O que mais me impressionou: O volume de água é realmente impactante, especialmente porque quando fui os níveis estavam elevadíssimos. Quando caminhamos sobre a passarela e chegamos “perto” das cataratas, conseguimos ver, ouvir e sentir a força da natureza.

Pamukkale, Turquia

Ano da visita: 2013

O que mais me impressionou: As piscinas termais de calcário, com sua estrutura branca e água azul. Foi meu lugar favorito na Turquia e fico triste porque ouvi relatos recentes de que não está mais tão legal. 

turquia - curiosidades da europa
Pamukkale

Parque Keukenhof, Países Baixos

Ano da visita: 2013

O que mais me impressionou: As tulipas! rs Na verdade a dimensão e as cores vivas dos enormes campos do parque. Também gostei muito dos “cantinhos” fotogênicos espalhados pelo parque (hoje diríamos instagramável, mas naquela época o instagram ainda não era popular).

Castelo Neuschwanstein, Alemanha

Ano da visita: 2013

O que mais me impressionou: O castelo em si é lindo, dizem que foi até usado como inspiração para o castelo da Cinderela, da Disney.

Só que o que realmente fez o Neuschwanstein aparecer aqui na lista é o conjunto da propriedade onde ele está localizado. No alto das montanhas, todo cercado de verde e com o lago Alpsee e do castelo de Hohenschwangau que podem ser vistos lá de cima, a paisagem é espetacular.

Plitvice lakes, Croácia

Ano da visita: 2013

O que mais me impressionou: Um parque com 16 lagos de diferentes tamanhos e água sempre cristalina, se interligando em grandes cachoeiras de até 70m de altura ou pequenas quedas d’água. Desde 1979, o Parque Nacional Plitvice Lakes é Patrimônio Mundial da Unesco. Eu visitei o parque no fim do inverno, quando havia neve, árvores secas e o dia estava bem cinzento, com uma neblina densa. Imagino que seja ainda mais bonito com árvores verdinhas e o sol brilhando no céu.

Abu Simbel, Egito

Ano da visita: 2019

O que mais me impressionou: Dois templos esculpidos em pedra e com uma enorme riqueza de inscrições egípcias em seu interior. Na fachada do maior deles, quatro estátuas da altura de um prédio de 6 andares. A gente se sente pequenininho ali do lado.

Mas o que deixa a gente embasbacado mesmo é descobrir que entre 1964 e 1968, todo o conjunto foi fatiado em blocos de até 30 toneladas e transportado para outro local, 200 metros acima. Isso tudo pois o templo estava sob a ameaça da elevação das águas do Nilo, que ocorreria pela construção de uma barragem em Assuã.

Templo Branco, Tailândia

Ano da visita: 2017

O que mais me impressionou: Fiquei realmente impressionada com a quantidade de detalhes e com a temática bem sinistra do templo branco de Chiang Rai.

Chiang Rai - White Temple 2 - cidades para visitar na tailandia

Abaixo da passarela de entrada, várias mãos simbolizando que forças tentarão te desviar do seu caminho.

Chiang Rai

Monte Cook, Nova Zelândia

Ano da visita: 2017

O que mais me impressionou: Todo o percurso até chegar na base do Monte. As paisagens das estradas da Nova Zelândia são adornadas por lagos de águas azuis e montanhas nevadas (mesmo no verão). Fica até difícil percorrer os caminhos, dá vontade de parar para fotografar o tempo todo!

estrada da Nova Zelandia
Pelas estradas da Nova Zelândia, rumo ao Monte Cook

Gran Cenote, México

Ano da visita: 2021

O que mais me impressionou: Cenotes são muito comuns no México e há vários para a gente se encantar. Eu visitei o Cenote Dos Ojos em 2016 e o Gran cenote em 2021. O Gran cenote é mais aberto e a luz solar que recebe destaca os tons de verde e azul da água. Foi um lugar que eu não queria ir embora.

um dos lugares mais bonitos que já fui é o gran cenote

Praias de Cancún e Tulum, México

Ano da visita: 2016 e 2021

O que mais me impressionou: Cancún foi meu primeiro destino no Caribe e aquela cor da água, um azul quase néon, é realmente marcante. A combinação com a areia branquinha deixa o cenário ainda mais bonito.

Pequenos fiordes de Oslo, Noruega

Ano da visita: 2012

O que mais me impressionou: Quando visitei a Noruega, tinha apenas alguns dias na capital e pensei que não conseguiria ver os famosos fjordes. Bom, não deixa de estar correto, pois não pude ir aos verdadeiros. Mas fiz um passeio saindo de Oslo que passou por casinhas coloridas, as montanhas verdes ao redor e deu um gostinho de quero mais. Vou ter que voltar para a Noruega!

Taj Mahal, Índia

Triângulo Dourado da Índia - Agra - Taj Mahal1

Ano da visita: 2019

O que mais me impressionou: A grandiosidade daquela construção branca com riqueza de detalhes incrustados em suas pedras. A simetria do Taj Mahal também beira à perfeição. 

Ouarzazate, Marrocos

Ano da visita: 2013

O que mais me impressionou: Quando a gente chega no Ksar Ait Benhaddou em Ouarzazate, a gente tem a impressão de estar entrando em um cenário de filme. E tem razão.

As casinhas de barro vermelho do povo berbere são conhecidas como “Hollywood do deserto”, já tendo sido cenário para filmes como Gladiador e para o seriado Game of Thrones. Até a novela o Clone teve algumas cenas gravadas por lá. 

Petra, Jordânia

Ano da visita: 2013

O que mais me impressionou: A Cidade de Petra é patrimônio mundial da Unesco e uma das 7 maravilhas do mundo moderno. E quando a gente passa longo desfiladeiro, sinuoso e estreito que forma a entrada da antiga vila, não duvida nem um pouco do merecimento. Depois de percorrer esse caminho cercado de paredões de 40 metros de altura, damos de cara com o “tesouro”, esculpido em pedra mais de 300 anos antes de Cristo.

Esses são mesmo os lugares mais bonitos do mundo?

Bom, em primeiro lugar, vale lembrar que beleza é algo pessoal. Nem sempre o que é belo pra mim, será belo para você. 

Eu também acredito que muitas vezes a nossa impressão sobre os lugares acaba sendo influenciada pela experiência completa que tivemos no lugar. As companhias que viajaram com você, seu momento de vida, o clima do dia e muitos outros fatores.

E por fim, existem muitos lugares maravilhosos no mundo que eu ainda não tive a oportunidade de visitar. Existem vários lugares na minha listinha de desejos que tenho certeza que entrariam para essa lista se eu já tivesse ido.

Então, provavelmente, esses não são os lugares mais bonitos do mundo. Mas tenho certeza que pelo menos um deles vai entrar na sua Travel Bucket List, caso você ainda não tenha visitado.

Me conta nos comentários: tem algum desses lugares que você quer muito conhecer?

Que tal comprar dólar barato, como um americano?

Descubra agora como abrir sua conta corrente nos EUA, mesmo morando no Brasil. É sem taxa de abertura, sem burocracia e sem comprovante de renda. Descubra como abrir sua conta americana digital e comprar dólar mais barato e ganhar um bônus em dólar na abertura. 

Curtiu nossas dicas?

Dê aquela forcinha ao nosso trabalho!
Ao fazer uma reserva nos sites que indicamos, ganhamos uma pequena comissão que nos incentiva a continuar produzindo tanto conteúdo gratuito e de qualidade. Ah! E você não paga nem um centavinho a mais por isso.

2 respostas

  1. Gente, que lista maravilhosa. Destes, só conheci o templo branco da Tailândia rs.
    Quero conhecer todos eles, e se tudo der certo, pretendo conhecer os Lenções Maranhenses esse ano.

    1. Nem preciso falar muito sobre os Lençóis Maranhenses porque sou suspeita – e foi o primeiro que veio na minha cabeça. Acho que quer dizer algo, né?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site armazena informações de forma anônima para melhorar sua navegação.
Para saber mais sobre como tratamos seus dados, consulte nossa Política de Privacidade.